Por que é tão difícil fazer dinheiro no Mercado Financeiro? – Youtrading

Artigos

A Youtrading disponibiliza para você uma série de artigos

Por que é tão difícil fazer dinheiro no Mercado Financeiro?

///
Comentário0
/
Categories

Sim, é possível fazer dinheiro no mercado financeiro – especificamente em renda variável – como trader autônomo (pessoa física), mas fazer dinheiro de forma consistente é muito mais difícil do que parece. As estatísticas das corretoras de varejo, em geral, apontam que no máximo 10% dos traders de varejo conseguem fazer dinheiro no curto, médio e longo prazo. Para os iniciantes, esse número é ainda menor, ficando entre 5 e 3%.

Considerando o fato de que as probabilidades de tirar dinheiro do mercado de forma consistente estão contra os investidores de varejo, qual é o motivo das pessoas ainda se envolverem nesse difícil mercado?

Uma das hipóteses que pode se considerar para uma grande parcela dessas pessoas é o mesmo motivo que as faz apostarem na loteria: ganhar muito dinheiro de forma fácil, rápida, com pouco capital “investido” e risco pequeno. Liberdade financeira, trabalhar pouco e sem horário fixo, passar mais tempo com família e amigos, trabalhar de qualquer lugar, viajar quando quiser, ser seu próprio patrão. Todos esses são motivos que levam as pessoas a buscarem uma carreira como trader.

Todos esses motivos são válidos e possíveis para qualquer trader, mas o sucesso vem a um custo. Nada na vida vem de graça. Toda ação de uma reação, se o esforço for positivo e com propósito, as chances de sucesso aumentam muito.

Por que é tão difícil fazer dinheiro no mercado financeiro?

  1. Educação sobre o mercado de baixa qualidade

É comum as pessoas acreditarem que todas podem ser autodidatas e assim aprender a operar no mercado financeiro lendo livros, apostilas ou assistindo vídeos no Youtube. Apesar de ser possível aprender os fundamentos, o sucesso do trader poderá vir com mais facilidade se houver instrução de traders profissionais.

Ser trader é muito mais difícil do que parece. Aprender com um profissional de verdade vai proporcionar economia de tempo, estresse e muito dinheiro.

  1. Falta de disciplina

Disciplina é algo que muitos traders não têm. Medo e ganância são dois grandes motivos do fracasso. Ter conhecimento necessário para operar em todos os tipos de mercado (líquido ou volátil) não é o suficiente se o trader não tiver disciplina.

Warren Buffet é, provavelmente, o melhor exemplo de um trader (investidor) que não é levado por medo ou ganância. Ele é uma das pessoas mais ricas do mundo, mas ele não fez dinheiro sendo ganancioso ou medroso. Ele ampliou seu patrimônio no mercado sendo inteligente e muito bem informado. Trading é saber esperar a estrada ficar limpa para que se possa viajar com mais segurança.

  1. Falsas crenças sobre o mercado e como ele funciona

A maior parte do acervo educacional disponível para traders de varejo seja online, em livros, treinamentos e palestras são fracos. Alguns chegam a ser absurdos, mas muitos traders ainda pagam por isso e dedicam um bom tempo de suas vidas para aprender essas inutilidades que não agregarão em nada durante a jornada para ser tornar um trader consistente.

Alguns dos mais respeitados educadores sobre o mercado financeiro, seja para os seguimentos BMF/Bovespa no Brasil ou mercado internacional, como o Forex, Ações ou Futuros, não têm a menor idéia de como o mercado realmente funciona e eles acabam colocando falsas crenças nas cabeças dos traders. Essas falsas crenças farão com que seja praticamente impossível que um trader autônomo faça dinheiro de forma constante no mercado. Mas, pelo fato dos traders não saberem se o que está sendo ensinado é verdadeiro ou falso, eles podem achar que a culpa é devido a falta de disciplina, quando na verdade o problema está na falta de conhecimento.

Então qual é a resposta?

No mercado, assim como na vida, nada é linear. Não existe um manual, um script, uma receita, que fará com que os traders se tornem consistentes.

A consistência é uma eterna busca de todos os participantes dos mercados: grandes, médios e pequenos. A curva dos resultados não é de crescimento exponencial. Há momentos bons e ruins, e para isso é necessário conhecimento e experiência para conseguir a tão sonhada consistência.

Mas isso tem um preço. Nada vem de graça, sem esforço, sem disciplina e sem o bom conhecimento.