“Emoção Móvel Exponencial” – Youtrading

Artigos

A Youtrading disponibiliza para você uma série de artigos

“Emoção Móvel Exponencial”

//
Posted By
/
Comentário0
/
Categories

Uma Média Móvel Exponencial é um tipo de Média Móvel que usa um cálculo matemático que dá maior importância aos eventos mais recentes na série de dados. Sendo assim, o peso de um evento que aconteceu há 30 dias terá menor importância que um evento que aconteceu ontem, por exemplo.

Em outras palavras, o evento vai perdendo importância ao longo do tempo, assim que novos eventos vão sendo adicionados/atualizados na série. É um indicador bastante usado e uma das premissas é a de que esse tipo de Média Móvel Exponencial reage mais rapidamente às mudanças do mercado que uma Média Móvel Simples (onde todos os valores da série têm o mesmo peso).

Seguindo a mesma linha de raciocínio, isso também acontece com os aspectos emocionais de um trader. Na verdade toda a estrutura psicológica do ser humano tem uma tendência a dar maior importância aos eventos mais recentes na série de dados. Um exemplo disso é quando tem algum acidente aéreo e todo mundo de repente começa a comentar o assunto exaustivamente. O foco da atenção nesse momento é o acidente aéreo pelo fato de ser algo recente. Com o passar do tempo as pessoas passam a falar cada vez menos do acidente até que o evento se torna apenas uma vaga lembrança (para alguns).

O que isso tem a ver com o Trading? Absolutamente tudo. É normal que você tenha um determinado tipo de posicionamento mental diante das oportunidades que o mercado apresente de acordo com o resultado das tuas operações mais recentes.

Ou seja, se as tuas últimas operações foram positivas e você fez um bom dinheiro, é bem provável que você se sinta confiante e otimista diante das oportunidades que o mercado está apresentando agora. Isso pode te levar a uma grande diversidade de erros, como o de abrir um lote muito maior do que normalmente faria em situações emocionais “normais”. Você pode acabar ignorando algum detalhe do teu plano de negociação (você tem um né???). Algumas pessoas acabam entrando justo antes de notícias importantes saírem. Outros se tornam imprudentes e esquecem-se totalmente daquilo que sabem.

Por outro lado, se as tuas últimas operações foram negativas, a dor emocional da perda pode assumir um papel de maior importância do que realmente tem, pelo fato de ser algo recente. Isso também pode te levar a uma série de erros de origem emocional. Você pode acabar não entrando em alguma operação que o teu sistema claramente deu sinal, por medo de que aquela dor emocional recente (da operação passada) se repita novamente. Ou pode fazer ainda com que você entre na operação com um lote abaixo do normal. Ou ainda pode te travar de atuar no mercado.

É por isso que esse artigo se chama “Emoção Móvel Exponencial”, porque assim como na Média Móvel Exponencial, o teu psicológico também é normalmente afetado pelos resultados mais recentes. Isso pode te fazer esquecer (ou diminuir o peso emocional) de resultados mais antigos, sejam eles positivos ou negativos. Esse tipo de viés cognitivo pode causar sérios problemas em tua performance.

Alguns traders têm sequências de operações positivas muito boas. E isso faz com que eles se tornem imprudentes, relapsos em suas análises e em seu gerenciamento de risco. Porque eles fazem isso? Porque o seu emocional está enviesado com base nos resultados mais recentes em suas operações. O resultado? Eles devolvem tudo ao mercado em poucas operações e depois “travam”. Então esse trader passa um bom tempo tentando se ajustar novamente ao mercado, ajustar o emocional para gerar resultados. Em algum dado momento esse trader novamente “se encontra” e começa a operar bem outra vez. Gera uma sequência de operações positivas e novamente se deixa levar pelo viés cognitivo emocional da “Emoção Móvel Exponencial”. Novamente o nosso amigo se torna relapso, imprudente, esquece tudo que o fez gerar aquele resultado, abre lotes maiores do que deve, não analisa direito. O resultado? Cai novamente. E o ciclo de altos e baixos se reinicia.

Para alguns traders, isso NUNCA termina. Eles nunca param de viver esse ciclo vicioso de forma infinita. Sempre subindo em uma velocidade vertiginosa e caindo ainda mais rapidamente. Agora você deve estar se perguntando:

“Ok Dyogenes, entendi. Mas como eu mudo isso”?

A primeira coisa é saber que o seu cognitivo (e o meu) tem essa tendência a dar maior importância aos eventos mais recentes. Entender isso é o primeiro passo para evitar cair nessa armadilha mental.

A segunda coisa é deixar de dar valor emocional aos ganhos e às perdas. Ganhar e perder faz parte do teu trabalho. É natural o trader viver em meio a ganhos e perdas. O que tem de especial nisso? Nada. Se quando você ganha e você fica eufórico, feliz da vida, tem uma boa chance de que, se essa euforia se acumular, você vai acabar caindo no viés da “Emoção Móvel Exponencial” e achar que é o maior trader do mundo. É o início do ciclo da ruína.

A terceira coisa é entender que cada operação e cada situação no mercado é um evento completamente isolado. Não tem necessariamente conexão com as operações anteriores que você realizou. As probabilidades se renovam a cada nova operação. O fato de você ter perdido ou ganhado na operação anterior, não necessariamente significa que você vai ganhar ou perder na próxima operação. Entender isso é importante.

A quarta coisa é manter-se alerta. Pergunte-se sempre, antes de entrar em uma operação:

“Será que eu estou vendo essa oportunidade com as lentes emocionais dos meus resultados recentes ou estou de fato seguindo o meu Trading Plan”?

Essa pergunta simples pode te colocar em perspectiva e aumentar a objetividade nas tuas decisões. E consequentemente melhorar a qualidade das tuas operações.

Para finalizar esse artigo, devo dizer que esse aspecto do viés da “Emoção Móvel Exponencial” sempre estará aí com você. Você sempre precisará se perguntar se não está sendo levado pelo peso dos resultados recentes, tanto para o lado da positividade excessiva (sequência prévia vencedora), quanto para o lado da negatividade excessiva (sequência prévia perdedora). É preciso sempre manter-se em alerta.

E você, já teve alguma situação como essa? De passar da euforia de uma sequência vencedora para a decepção de uma sequência perdedora ainda maior? Conta sua história aqui nos comentários e isso pode ajudar outros traders.

Um abraço,

 

Dyogenes Rodrigues Diniz.

Diário Fx Online – Formando Traders Independentes

http://diariofxonline.blogspot.com